Língua

Degustar?
Paladar
Quente?
Frio
Morno?
Gelado
Entrando?
Saindo
Língua
Instrumento de prazer
Tua língua pervertida
Me alucina
Quando em minhas pernas
Me banhas em um perfeito
Banho de língua
Me brindas!
Em uma taça de prazer
Língua que te quero
Serpenteando
Causando alvoroço
Quando passeias
Em meu corpo
Em meu membro rígido
Retesado
Embalando seu frenético
Ritmo cadenciado
Desta dança de línguas
Misturando saliva, mel e suor
Essa língua
Que adentra meu sexo
Extraindo todo mel
Liquido saboroso
Corpos em caldas
Embalsamado por tua língua
Insanamente voluptuosa





P.S: Humm delicia de sentir!!!

Comentários

Bernardo Lupi disse…
Palavras ardentes e repletas de bom gosto!
Magrao67 disse…
Apimentado....delicioso....
Flor de Azeviche disse…
Que belo!

Andei sumida porque estava (estou) sem pc... Consegui um emprestado, ta dando pra eu me virar rs...

Beijos